Procon suspende venda de mais de 20 medicamentos irregulares nas farmácias da PB; confira lista

Adicionar legenda
O MP-Procon, a Promotoria do Consumidor de João Pessoa, as Vigilâncias Sanitárias do Estado e do Município realizaram nesta quinta-feira (19) uma audiência com representantes do Sindicato dos Farmacêuticos do Estado da Paraíba (Sindifarma) Sindicato do Comercio Atacadista de Drogas e Medicamentos do Estado da Paraíba para recomendar a suspensão e da distribuição e comercialiação de mais de 20 medicamentos das farmácias do Estado. 

As razões da suspensão variam de desvio de qualidade ou vencimento do lote. A diretora geral da Agência Estadual de Vigilância Sanitária da Paraíba (Anvisa), Glaciane Mendes Roland, afirmou que essas medidas “são primordiais para garantir que farmacias comercializem apenas produtos saudaveis para o consumidor”. 

Ainda segundo a diretora da Anvisa, não foi identificada nenhuma farmácia comercializando os produtos suspensos. “Provavelmente os farmacêuticos já souberam da recomendação e separaram os lotes suspensos para serem recolhidos”.

Medicamentos com distribuição e comercialização suspensa:

Polixil
Masferol
Acebrofilina
Yaz
Rifamicina
Amoxicilina + Clavulanato de Potássio
Carbamazepina
Atorvastatina Cálcica
Cutenox
Rematrós - Composto de ervas naturais
Wosulin N
Wosulin R
Wosulin 70/30
Mebendazol
Cloridrato de Nortriptlina
Peritosteril
Óleo Mineral Naturol Farma
Serophene
Dipirona Sódica
Cloridato de Metoclopramida 

Anúncio

Anúncio

Curta!

Vídeo lançamento do Portal da Zona Sul

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Siga!

item