Pais têm que comprar fardamento escolar por atraso na entrega do material nas escolas da PB



Os alunos das escolas estaduais de João Pessoa ainda não receberam os fardamentos neste ano. Para solucionar o problema, algumas turmas estão comprando os uniformes, que chegam a custar R$ 30,00.

A mãe (não quis se identificar) de um aluno da Escola João Goulart, localizado no bairro do Castelo Branco, teve que comprar o fardamento, "pois fica complicado colocar todos os dias uma roupa diferente para ir à escola". Outros estudantes estão usando a farda dos anos anteriores.

A secretaria da Escola João Goulart disse que não estão exigindo que os alunos comprem o uniforme. Além disso, são as turmas dos cursos profissionais que estão mandando fazer as fardas por conta própria.

O mesmo problema foi verificado na Escola Celestin Malsac, em Valentina. De acordo com a diretora Maria José, o atraso dos fardamentos é um caso que vem ocorrendo nos últimos anos. "Em nenhum colégio da Paraíba os uniformes chegaram. Em geral, os alunos recebem o fardamento durante o mês de abril", comentou.

O Portal da Zona Sul entrou em contato com a Assessoria da Secretaria de Educação do Estado (SEE), que afirmou que a empresa contratada é a responsável pelo atraso dos fardamentos. Ademais disse que a SEE está tomando todas as providências jurídicas para resolver o problema o mais rápido possível. 


Ítalo Rômany

Relacionadas

Destaques 4724077674129594414

Anúncio

Anúncio

Curta!

Vídeo lançamento do Portal da Zona Sul

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Siga!

item