Portadora de deficiência cria "passe livre gigante" para ser vista em ônibus de JP

A professora Solange Franco, portadora de deficiência física, tomou uma atitude inusitada após ser constantemente questionada por cobradores de ônibus sobre a veracidade de seu passe livre ao tentar utilizar o transporte coletivo em João Pessoa. Para protestar de forma bem humorada, a professora criou um "passe livre gigante" para ser vista pelos cobradores.

Solange conta que é portadora de esclerose múltipla, e se locomove de muleta todos os dias, ainda assim, passa por muitos aborrecimentos nos coletivos "Porque a muleta já mostra minha deficiência e eles ainda queriam ver uma carteira minúscula a longa distância. Então falei uma vez: e se eu pegasse o ônibus imitando uma mudinha e com a carteirinha falsa?", indaga.


Para a professora, portadores de deficiência e idosos enfrentam muitos constrangimentos com a necessidade de utilizar o transporte coletivo em João Pessoa. "Deixa muito a desejar. Começando pelos pontos de ônibus sem assentos, a subida com batentes altos e os condutores que não esperam que o deficiente sente antes de partir, a maioria das vezes quando estamos no segundo degrau o ônibus dá a partida", afirma.

Embora resolva encarar o problema com bom humor, Solange diz que espera que seu gesto sirva para chamar a atenção para o problema do desrespeito aos portadores de deficiência na cidade, em todas as áreas que tangem seus direitos como cidadãos.

Relacionadas

Destaques 3988244781504986193

Anúncio

Anúncio

Curta!

Vídeo lançamento do Portal da Zona Sul

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Siga!

item