Servidores da UFPB decidem continuar em greve e lutar em defesa dos HUs


Os servidores técnico-administrativos da UFPB,que estão com suas atividades paralisadas há 20 dias, decidiram na manhã desta terça-feira (16) pela continuidade da greve e se integrar ao Dia Nacional em Defesa dos hospitais universitários, que será realizado nesta quarta-feira, dia 17 de junho, em todo o país, onde estará sendo lançada a campanha em prol dos HUs. 

A programação que foi aprovada em assembleia geral para ser desenvolvida é um café da manhã em frente ao ambulatório do HULW, a partir das 07h30, afixação de cartazes sobre a campanha, distribuição de material denunciando a precariedade dos Hus. 

No dia 19, foi aprovado que o CLG mobilize a categoria para a realização de um arrastão pelos setores da UFPB, além de fazer uma barreira humana nos portões principais. 

A assembleia geral também indicou a realização, na próxima semana, de uma assembleia no Hospital Universitário Lauro Wanderley. 

Como último encaminhamento, foi aprovada a elaboração de divulgação em horário nobre de TV de uma nota a ser veiculada no dia 29 de junho, convocando para a assembleia geral do dia 30 de junho.

Relacionadas

Destaques 2829235758168882382

Anúncio

Anúncio

Curta!

Vídeo lançamento do Portal da Zona Sul

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Siga!

item