Professora morre após ser atropelada por padre na BR-230


A professora Eunézia Vieira Alves Bezerra, de 50 anos, morreu, no final da tarde deste domingo (23), após ser atropelada na BR-230 pelo padre Agripino Ferreira da cidade de Cajazeiras. O acidente aconteceu em frente a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), campus de Sousa. 

De acordo com informações da polícia militar, a mulher tentou atravessar a pista, mas acabou sendo atropelada pelo carro que era conduzido pelo padre. 

Após o acidente, o reverendo disse que seguia para realizar uma missa na cidade de Cajazeiras, quando avistou a mulher tentando cruzar a BR. “Ainda freei o carro, tentei evitar o acidente, mas não consegui”, afirmou. 

Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e corpo de bombeiros estiveram no local realizando atendimento à vítima que foi socorrida, mas morreu ao chegar no Hospital Regional de Sousa (HRS). 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) foi acionada e está investigando as causas do acidente de trânsito.

Relacionadas

Destaques 2353639985342955096

Anúncio

Anúncio

Curta!

Vídeo lançamento do Portal da Zona Sul

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Siga!

item