Presos suspeitos de matar Vivianny Crisley, em João Pessoa

Dupla foi presa no Rio de Janeiro
A Polícia Civil da Paraíba prendeu nesta segunda-feira (21), no Rio de Janeiro, Jobson Barbosa da Silva Júnior e Fagner das Chagas Silva, suspeitos de matar a vendedora Vivianny Crisley, 29 anos, depois de saírem de um bar no bairro dos Bancários, Zona Sul de João Pessoa, na madrugada do dia 21 de outubro.
De acordo com a Polícia Civil da Paraíba, a dupla estava escondida no morro do Acarí, Zona Norte do município do Rio de Janeiro. Os suspeitos estavam com mandados de prisão em aberto e foram cumpridos por policiais civis do estado com a colaboração da polícia do Rio. Os suspeitos deverão ser recambiados para a Paraíba ainda nesta segunda-feira (21).
A jovem desapareceu no dia 21 de outubro, depois que saiu de uma casa de shows, na zona sul de João Pessoa. No dia 11 de novembro, o estoquista Alex Aurélio Tomas dos Santos, 22, foi apresentado pela Delegacia de Crimes contra a Pessoa (Homicídios) da Capital, como um dos suspeitos e os nomes de Jobson e Fábio divulgados como participantes do crime de homicídio, que se confirmou após exame de DNA realizado no corpo que foi encontrado no dia 7 de novembro, na divisa entre os municípios de Bayeux e Santa Rita.

Relacionadas

Destaques 8839585604016354677

Anúncio

Anúncio

Curta!

Vídeo lançamento do Portal da Zona Sul

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Siga!

item